A Oportunidade revela o justo, o oportunismo ao injusto.

Havia um Homem bom, era justo com seus empregados.
Tinha centenas deles ao seu comando e todos gostavam dele, e retribuiam-lhe com assiduidade e desempenho cada um em suas funções respectivas.
Ele antecipava salários, ou dava vales aos empregados semanais se precisassem, e fora isso havia participações nos lucros semestrais da empresa a todos.!
Certo dia ele teria que tomar uma decisão, que não lhe agradaria, mas que era preciso ou correria riscos de falir a fábrica…Demitir 5% do efetivo.

E pensou: De que forma farei isso?
Gostaria de dar um bônus proporcional ao tempo de serviço para quem pedisse demissão, mas não estava em condições financeiras ideais que permitisse esse objetivo de deixar feliz os que sairiam do seu cotidiano na empresa.!
Orou a Deus pedindo direção, pois Temia o Santo Nome do SENHOR.
Após semanas e já sem muito tempo teve um sonho em que Jesus lhe dizia:
A sabedoria que buscas está em provérbios.
Medite e serás bem sucedido em teu feito, além do que imaginas.!
Te darei também livramento.!!!

Ao acordar lembrou-se bem daquelas palavras…
E não saiam da sua cabeça:
Mais porque o meu Senhor Jesus me daria livramento?
E passou alguns dias meditando na Bíblia,
onde Jesus tinha recomendado que ele o fizesse.
Esse bom homem, meditava dia e noite e não encontrava respostas…
Já meio cansado e quase no final do livro se deparou com essa passagem:

“A sanguessuga tem duas filhas: Dá e Dá. Estas três coisas nunca se fartam; e com a quarta, nunca dizem: Basta!” (Provérbios 30 : 15)

E seus olhos não se moviam, ficaram presos nela por horas.
Então ele perguntava ao SENHOR: O que queres que eu faça?
E ouviu isto: Testa-os, fazei o que te aproves.
A partir desse momento o bom homem se alegrou, pois só faltava agora
uma maneira de cumprir a palavra e seu objetivo.

Decidiu então testá-los, como o SENHOR havia dito.
Chamou na manhã seguinte sua esposa e secretária e disse:
Já passamos mais de 15 dias nesse mês, me diga uma coisa:
Todos empregados pegaram algum vale ?
Ela examinou os recibos, mas antes que respondesse ele pediu que não falasse, e guardasse no cofre esses documentos.
Então veio-lhe o entendimento e percebeu porque o SENHOR demorou um pouco a lhe responder as orações.

Era de praxe ele ligar o microfone na fábrica de vez em quando para parabenizar funcionários de anos de firma ou de aniversário, como também ler algum trecho Bíblico para meditação de todos antes que os maquinários fossem ligados, antes do expediente.
Na manhã seguinte a sua decisão, passados 16 dias do mês, ele ligou o microfone e disse: Amigos, estou com pequenos problema, esse mês não sei quem pegou vale ou adiantamento de salário, por um motivo que lhes posso contar, não tenho de posse os recibos.
Gostaria que tanto aqueles que pegaram quanto os que não pegaram dinheiro adiantado, se dirigissem ao setor responsável e comunicassem verbalmente a sua situação contábil conosco.Após todos fazerem ligaremos as máquinas e voltaremos ao trabalho normalmente.
Obrigado e tenham um dia abençoado.!

Passou-se o dia, então ele chama sua colaboradora fiel e pede que ela lhe traga os recibos que guardara no cofre.
Ao examinar os papéis percebe que naquele mês todos haviam pego adiantamento de salários, era a primeira vez que isso acontecia.
Então perguntou a ela se alguém havia dito que não tinha sacado nada adiantado do caixa da empresa.
Para sua surpresa, cerca de 6% dos funcionários foram desonestos e mentiram.
Homens que tinha aparência de serem bons mas eram na verdade atrasos de vida.
Lembrou-se então do livramento que o Senhor Jesus havia lhe prometido.
E não só demitiu todos aqueles desonestos como precisou contratar mais alguns depois…
E foi muito bem sucedido em seu feito, porque consultara ao SENHOR.

E você? Passaria pelo teste?

Quanto ao mais, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é honesto, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se há alguma virtude, e se há algum louvor, nisso pensai.” (Filipenses 4 : 8)

Pensai nisso…

Guto Lopes